Comissão de Acessibilidade define ações para implantar melhorias na 5ª Região

08/07/2019 às 19:59:00

A Comissão de Acessibilidade do Tribunal Regional da 5ª Região – TRF5 reuniu-se, na última sexta-feira (5), para definir ações a serem implantadas no edifício-sede e anexos do Tribunal,  de acordo com o Manual de Acessibilidade da Pessoa com Deficiência, instituído no dia 24 de junho, pelo Conselho da Justiça Federal (CJF). O documento estabelece diretrizes para a elaboração de projetos de acessibilidade ao complexo de imóveis da Justiça Federal de Primeiro e Segundo Graus e determina a adaptação dos imóveis já existentes, devendo eventual impossibilidade ser esclarecida mediante justificativa técnica.

Durante a reunião, a presidente da Comissão, juíza federal auxiliar da Presidência do TRF5, Joana Carolina Lins Pereira, exibiu um relatório elaborado pelo servidor Rodolfo Guimarães Neves, da Subsecretaria de Controle Interno, com uma lista de ações que podem ser desenvolvidas não apenas nas edificações, mas também no site da instituição. No encontro, a Comissão também ouviu a opinião do servidor José Fabiano Silva Barbosa, que tem deficiência visual. “Para mim, o prédio do TRF5 é bastante acessível, e o sistema do Processo Judicial Eletrônico representou um avanço para quem tem deficiência visual”, afirmou Barbosa, que atua na Secretaria Judiciária e também integra o órgão colegiado.

Capacitação – Um dos pontos debatidos foi como melhorar o treinamento dos profissionais envolvidos diretamente na recepção e atendimento ao público em geral. “Pretendemos capacitar nossos servidores e colaboradores para atender melhor as pessoas com deficiência de diversos tipos”, adiantou Joana Carolina. A Comissão também deliberou que iria sugerir que as Seções Judiciárias de Pernambuco, Paraíba, Ceará, Rio Grande do Norte, Alagoas e Sergipe criem suas próprias comissões de acessibilidade, tendo em vista, inclusive, que o fluxo de pessoas com deficiência em suas unidades é bem maior que no Tribunal. A próxima reunião do grupo está marcada para o dia 23 de agosto, quando será feita avaliação das ações a serem executadas em 2019.

Participaram da reunião os servidores e também integrantes da Comissão: Sorária Maria Rodrigues Sotero Caio (Secretaria de Administração), Soraya Maria Portugal (Núcleo de Desenvolvimento de Recursos Humanos), Ana Cláudia Nunes (Subsecretaria de Tecnologia da Informação), Parcelo de Souza Melo (gabinete de desembargador) e Tatiana Rabello (representando Flávia Bello, da Seção de Arquitetura). Acompanharam o encontro os servidores Rondon Veloso da Silva (Assessoria Especial da Presidência), Vladislave Ferreira Leite (Infraestrutura), Magnus Henrique de Medeiros (Gestão Estratégica e Governança)  e Laís Rodrigues (Seção Socioambinetal).


Autor: Divisão de Comunicação Social do TRF5 - comunicacaosocial@trf5.jus.br