Logo da República do Brasil - Justiça Federal da 5ª Região
Link do Tribunal Regional Federal da 5ª Região
Imagem do Portal da Justiça Federal
Portal da Justiça Federal da 5ª Região TRF5 Sustentável Selo Justiça em Números

CNJ apresenta relatório de resultados de metas e lança selo de qualidade

31/05/2019 às 19:47:00

TRF5 teve o melhor desempenho nas metas 4 e 6 entre os tribunais regionais federais

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) apresentou oficialmente os resultados e o relatório das Metas Nacionais 2018, durante a 1ª Reunião Preparatória do XIII Encontro Nacional do Poder Judiciário (ENPJ), no Conselho da Justiça Federal (CJF). O TRF5 recebeu destaque no cumprimento de duas das oito metas estabelecidas para 2018. Na Meta 4 (Priorizar o julgamento de processos de corrupção, improbidade administrativa e das ações penais relacionadas a crimes contra a Administração Pública) o segmento da Justiça Federal cumpriu mais de 100% da meta. Nesse item, o grau de cumprimento do TRF5 foi de 119,5%. Já na Meta 6 (priorizar o julgamento de ações coletivas), o Tribunal alcançou grau de cumprimento de 108,9%.

O evento aconteceu na última quarta-feira (29/05) e reuniu, entre outros, presidentes dos tribunais e integrantes da Rede de Governança Colaborativa do Poder Judiciário. O TRF5 foi representado pelo corregedor-regional Carlos Rebêlo, pelo assessor de Gestão Estratégia do Tribunal, Magnus Medeiros, e pelo diretor da Divisão de Apoio Técnico da Assessoria de Gestão Estratégica, Luiz Targino.

As metas nacionais representam o compromisso dos tribunais brasileiros com o aperfeiçoamento da prestação jurisdicional. As metas nacionais são monitoradas pelo CNJ por meio de sistema eletrônico em que os próprios órgãos do judiciário efetuam os lançamentos dos dados estatísticos. O acompanhamento do cumprimento dessas metas também pode ser realizado por meio do Painel de Resultados das Metas Nacionais, disponibilizado no site do CNJ, e pelo Relatório Anual de Metas, publicado anualmente pelo Conselho.

No segundo semestre, acontecerá a 2ª Reunião Preparatória e será realizado o XIII Encontro Nacional do Poder Judiciário, ocasião em que também serão aprovadas as Metas Nacionais 2020.

Prêmio CNJ de Qualidade – Durante o encontro, também foi lançado o Prêmio CNJ de Qualidade, iniciativa que visa identificar, avaliar e reconhecer o trabalho dos tribunais brasileiros em três eixos temáticos: Governança, Produtividade e Transparência e Informação. A premiação é um estímulo para os segmentos do Poder Judiciário buscarem excelência na gestão e no planejamento de suas atividades; na organização administrativa e judiciária; e na sistematização e disseminação das informações e da produtividade. Serão utilizadas como base de avaliação informações referentes aos anos 2018 e 2019.

As regras do Prêmio CNJ de Qualidade  estão contidas na Portaria CNJ nº 88/2019. Todos os tribunais participam da premiação, incluindo os tribunais superiores e os 27 Tribunais de Justiça (TJs), os cinco Tribunais Regionais Federais (TRFs), os 24 Tribunais Regionais do Trabalho (TRTs), os 27 Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) e os três Tribunais de Justiça Militar (TJMs) dos Estados.

(Com informações da Ascom/CNJ)


Autor: Divisão de Comunicação Social do TRF5 - comunicacaosocial@trf5.jus.br

 Imprimir 

Top