Logo da República do Brasil - Justiça Federal da 5ª Região
Link do Tribunal Regional Federal da 5ª Região
Imagem do Portal da Justiça Federal
Portal da Justiça Federal da 5ª Região TRF5 Sustentável Selo Justiça em Números

TRF5 inicia X Jornada Internacional de Direito e Justiça

04/04/2019 às 20:21:00

Programação segue até sexta-feira (5), com expositores do Brasil e da Argentina

Teve início na manhã desta quinta-feira (4), no edifício-sede do Tribunal Regional Federal da 5ª Região – TRF5, a X Jornada Internacional de Direito e Justiça. O evento, que reuniu estudantes de Direito, magistrados e outros integrantes da área jurídica, foi promovido pela Escola de Magistratura Federal da 5ª Região – Esmafe, em conjunto com a Universidade Federal de Sergipe (UFS) e da Universidade de Buenos Aires (Argentina) e com apoio da Universidade Federal de Pernambuco, da Faculdade Damas - PE, da Academia Sergipana de Letras Jurídicas e da Universidade Católica de Pernambuco.

Integraram a mesa de abertura o presidente do TRF5, desembargador federal Vladimir Carvalho, o corregedor-regional da Corte, Carlos Rebêlo, o diretor da Esmafe da 5ª Região, Rogério Fialho, e a diretora-geral da Faculdade Damas, Maria Arcione Vieira. Carvalho fez a abertura do evento, felicitando a gestão do desembargador federal Edilson Nobre na Esmafe, no biênio 2017-2019. “Parabenizo o desembargador Edilson Nobre pela bonita atuação à frente da Escola”, destacou o magistrado.

Rogério Fialho discursou em nome da Esmafe, enfatizando a importância da atuação da unidade. “A escola é responsável por formar, capacitar e aperfeiçoar os magistrados da 5ª Região. Além dessa missão específica de capacitação na magistratura federal, a Esmafe também tem entre suas missões realizar eventos acadêmicos em parceria com outras instituições. Então, o nosso objetivo não é apenas o nosso público interno, com nossos juízes federais, mas também os nossos servidores, a comunidade acadêmica e os operadores do direito”, salientou.

A palestra de abertura foi preferida pelo professor George Browne Rego, que debateu sobre o tema “Desafios Políticos, Sociais e Econômicos na Recente Modernidade”. Outros três palestrantes completaram a programação do turno da manhã, entre eles o desembargador federal Leonardo Carvalho, que abordou o tema “O Direito na Era do Admirável Mundo Novo: a Revolução Tecnológica e seu Impacto Atual e Futuro no Campo Jurídico”.

O magistrado fez uma reflexão sobre a evolução tecnológica, citando a possibilidade de audiência por videoconferência como uma das ferramentas que trouxe benefícios ao trabalho do judiciário. O desembargador também destacou os projetos de Tecnologia da Informação desenvolvidos pelo TRF5, como o PJe Mobile, o PJe 2.1 e o Gestão na Ponta dos Dedos. Por fim, o magistrado ponderou que, apesar das inovações tecnológicas, o homem ainda é peça fundamental nesse processo. “Ainda que os algoritmos, no futuro, venham a estabelecer qual a ordem do certo ou errado, é o homem que sempre irá programar esses algoritmos. O humanismo sempre estará presente e será necessário para a solução desses novos desafios que nos impõe a tecnologia”, finalizou.

A programação continuou à tarde, com palestras com os professores Jorge Bercholc e Christian Cao, da Faculdade de Direito da Universidade de Buenos Aires. O corregedor-regional do TRF5, Carlos Rebêlo, e o desembargador federal Manoel Erhardt participaram da programação presidindo mesas dos debates.

Programação – A programação segue até sexta-feira (5), com mais sete palestras e um painel. Os debates começam a partir das 9h, na Sala Capibaribe, no 1º andar do edifício-sede do TRF5.


Autor: Divisão de Comunicação Social do TRF5 - comunicacaosocial@trf5.jus.br

 Imprimir 

Top